XARPI-05.png
verao.png

O pixo desembarcou no Rio de Janeiro no final dos anos 80 e, como tudo que chega por aqui, logo ganhou uma característica singular que o diferenciou dos movimentos de pichação dos grandes centros urbanos espalhados pelo mundo.

Sua grafia é única, inspirada nas curvas da cidade, é sinuosa e na maioria das vezes, ilegível aos olhos daqueles que não pertencem ao movimento.

XARPI - "pixar" no dialeto das ruas cariocas, que inverte as sílabas das palavras - transcende o ato de "colocar o nome" nos muros. É arte transgressora e transformadora. É um estado de espírito inquieto com o status quo. É a adrenalina do ato, do desafio de alcançar lugares quase que inacessíveis para deixar escrita pelo maior período de tempo possível a mensagem que nunca seria ouvida na voz de quem a escreve. É protesto.

PERIGO-_-RESERVA---0559.jpg

O subversivo sempre fez parte do DNA da PERIGO. A contracultura e o estilo de vida das ruas do Rio são inspiração para todas as nossas criações. E assim nasceu a coleção #XARPI, inicialmente lançada no inverno e que agora ganha modelagens solares e estampas quentes para receber o verão.

Nossos linhos, além de peças em tactel, tule e algodão, em uma cápsula praiana grunge que leva o movimento #XARPI para um rolê de sol e mar.

XARPI-05.png
PERIGO-_-RESERVA---1425.jpg
PERIGO-_-RESERVA---0740.jpg
PERIGO-_-RESERVA---0646.jpg
PERIGO-_-RESERVA---1059.jpg
PERIGO-_-RESERVA---1355.jpg
PERIGO-_-RESERVA---1631.jpg
PERIGO-_-RESERVA---1800.jpg
LOGO PERIGO XARPI-02.png
XARPI_VERAO.jpg